Família: cadinho de resgate e evolução

Cadinho é um recipiente onde são forjados vários tipos de metais para que um novo metal possa ser feito. A analogia é porque as nossas experiências na Terra são o calor que nos funde, ajustando todas as peças soltas para que possamos evoluir.

Todos trazemos um planejamento de vida, feito no plano espiritual, para a nossa trajetória na carne. O departamento responsável por essa programação conta com um contingente muito grande de trabalhadores, todos preocupados e dedicados para que tenhamos sucesso na nova empreitada encarnatória.

Espíritos assistentes são responsáveis por receber e conduzir os encarnantes para os trabalhos de iniciação e preparação para o encarne. Todas as tarefas de preparação são programadas por queridos irmãos, que tem prazer em ajudar aos “re-re-reencarnantes”, dentro das condições estabelecidas pelos dirigentes do Departamento.

O que parece desamparo, fracasso e perdas durante a encarnação não passam de fatos já previstos ainda no plano espiritual. Mas decisões tomadas no plano físico podem não corresponder ao planejamento pré-reencarnatório.

Além de buscar o progresso, o espírito deve transformar o mundo material em um local bom e útil. O núcleo familiar é o local mais propício para nossas provas e expiações, porque nele há a possibilidade de unir espíritos que precisam reparar suas faltas entre si. A relação familiar entre pais e filhos tem como premissa o amor, sendo assim, espíritos que não são afins conseguem amenizar suas resistências e viver a encarnação juntos na tarefa da evolução.

O espírito Joanna de Ângelis, no livro Constelação Familiar, diz que “A família é a base fundamental sobre a qual se ergue o imenso edifício da sociedade”, mas a benfeitora também explica que renascemos na família que irá atender, da melhor maneira possível, nosso plano reencarnatório.

Percebemos que a família tem íntima ligação com a Lei da Reencarnação. A família na qual encarnamos foi uma escolha nossa, ainda no plano espiritual, e nós a escolhemos porque era a que melhor atendia nossas necessidades evolutivas.

A reencarnação e os laços familiares são o Amor de Deus em ação.

A família é, antes de tudo, um laboratório de experiências reparadoras, na qual a felicidade e a dor se alternam, programando a paz futura. Amemo-nos irmãos, pois convivemos todos na grande família universal criada por Deus!

Cícero Theresiano Barros
Palestra proferida em 09 de setembro de 2019,
na Reunião Pública de Segunda-Feira,
da Instituição Beneficente “A Luz Divina”.

Comentar

Print your seu lugar